Voos de Pamplona a Chipre, Egito, Noruega, Ilhas Canárias, Ilhas Baleares

  1. Fiordes. 4 de julho. VÔO DIRETO PARA OS FJORDS NORUEGUESES. O avião sairá de Noáin em direção a Bergen. O retorno está marcado para 11 de julho de Oslo.
  2. Chipre. 10 de julho. VOO DIRETO PARA CHIPRE. O avião partirá de Noáin em direção a Lárcana e sua duração é de 8 dias e sete noites.
  3. Egito. 11 de julho. VÔO DIRETO PARA O EGITO. A operadora de turismo Samatravel realizará o segundo voo para o Egito a partir de Pamplona. O próximo voo para o Egito será em 19 de setembro e outro foi adicionado em 13 de outubro.
  4. Ilhas. A partir de 24 de julho, todos os sábados de verão, haverá um voo direto para Ibiza e, a partir de 26 de julho, 3 voos diretos para Menorca (terça, quinta e sábado). Além disso, a partir de 26 de julho, os designados para Mallorca serão às terças, quartas, sábados e domingos. A empresa Binter voa para as Ilhas Canárias. A companhia aérea das Canárias, que lançou uma promoção de bilhetes a preços reduzidos, voa três dias por semana em julho entre Pamplona e as Ilhas Canárias: quinta, sexta e domingo.

Para onde viajar de acordo com os requisitos de saúde?

Países que exigem vacinação para viajar da Espanha

Estados Unidos, Brasil, Canadá, Japão e Austrália são alguns dos países mais exigentes atualmente em termos de vacinação. “Sim ou sim pedem o certificado de vacinação”, diz Miguel Rodríguez, da Viajes Pamplona. “Outra questão é o que se entende por vacinado. A Espanha estabelece que se passaram mais de 270 dias desde a vacina, ela não é mais considerada vacinada. Essa clareza não é vista em outros países, com uma interpretação mais aberta. Por esse motivo, recomendamos levar um relatório médico que diga que as vacinas que você tem são suficientes”.

Países com menos requisitos para entrar

Você pode viajar para a maioria dos países da América Central e da América Latina sem estar vacinado e, em alguns países, os viajantes europeus nem sequer são solicitados a apresentar um PCR negativo ou teste de antígeno realizado 48 ou 72 horas antes. Entre eles, México, Cuba, Costa Rica, República Dominicana, Chile e Argentina. “São destinos com grande vocação turística e há muito não pedem praticamente nada justamente para não desacelerar o turismo”, diz Miguel Rodríguez, da Viajes Pamplona.

Que restrições existem nos países da União Europeia?

“A grande maioria já não pede nada e uma pessoa de nacionalidade espanhola pode deslocar-se sem problemas. Por exemplo, países como Alemanha, Holanda e Itália não pedem mais nada. Não há restrições, então não importa se alguém está vacinado ou não. Por outro lado, os nossos vizinhos, França e Portugal, são os dois mais exigentes. A pessoa vacinada deve apresentar o certificado de vacinação ou, se não, um teste com resultado negativo para entrar”, diz Miguel Rodríguez, da Viajes Pamplona.

O que é necessário para ir às Ilhas Baleares ou às Ilhas Canárias?

Ao contrário do ano passado, em que os cidadãos com nacionalidade espanhola na península foram solicitados a um teste negativo (PCR ou antígenos), este verão não é exigido.

formulário de saúde

Além de vacinas e testes, os países “em um bom número de países” ainda exigem que você preencha um formulário de saúde on-line para registrar seus dados. Ao preenchê-lo, é gerado um recibo que normalmente é solicitado no momento do embarque.

Calvin Clayton

"Encrenqueiro incurável. Explorador. Estudante. Especialista profissional em álcool. Geek da Internet."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *