Surto de Monkeypox em países não endêmicos ultrapassa 2.000 casos, segundo relatório da OMS

(EFE) – Um relatório publicado neste sábado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) revelou que o surto de varíola em países onde esta doença não é endêmica ultrapassou 2.000 casos.

Os países com mais casos confirmados são Reino Unido (524 infecções), Espanha (313), Alemanha (263), Portugal (241), Canadá (159) e França (125), Europa sendo a região mais afetadacom 26 países que foram confirmados positivos para a doença.

Na América, além dos casos no Canadá, foram confirmados 72 nos EUA, cinco no México e no Brasil, um no Chile, três na Argentina e um na Venezuela.

Na África Central e Ocidental, onde a doença é endêmica, 64 infecções foram confirmadas até agora este ano, embora tenha havido mais de 1.400 casos suspeitos.

A OMS mantém nível de risco “moderado” diante do surto, pois é a primeira vez que há fontes de contágio em países não endêmicos e muito distantes uns dos outros.

A organização com sede em Genebra liga o atual surto a contatos sexuais entre homens, embora em princípio não seja uma doença sexualmente transmissível, mas sim É transmitida por contato físico próximo.

A OMS mantém a sua recomendação de não adotar restrições de viagem em relação a este surto, embora aconselhe aqueles que apresentem sintomas ligados a esta doença a evitar viajar.

Elite Boss

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.