Sporting CP – Benfica | Primeira Liga: Benfica vence dérbi frente ao Sporting CP e entrega metade da Liga ao Porto

Vitória do Benfica sobre o Sporting CP (0-2) no dérbi deixou a vista da Liga Portuguesa para a sentença.

Na ausência de quatro dias, O Porto (82) é o líder com nove pontos de vantagem sobre o Sporting (73). O Benfica, por sua vez, é o terceiro com 67.

O clássico teve tudo, sobretudo, polêmica. No entanto, o grande golo de Darwin Nez aos 14′ e Gil Dias aos 93′ ditou a sentença. O ex-Almera abriu o placar. Ele começou no meio-campo para ‘pegar’ uma bola longa de Jan Vertonghen, se livrou de Neto, se libertou no corpo a corpo de Coates e mergulhou alto antes da saída de Adn.

Seu preço não para de subir como espuma. O atacante uruguaio de 22 anos marcou 32 gols nesta temporada em todas as competições. Na Liga, é um excelente artilheiro com 25 gols em 25 jogos. Segue-se Mehdi Taremi (Porto), com 18.

A partir daí foram muitas paralisações e muita polêmica. Destaque para o golo anulado frente ao Benfica aos 37 minutos. Teria sido 0-2. Otamendi marcou à vontade, mas se beneficiou da posição de atacante de Gonalo Ramos.

Cada contra do Benfica era sinónimo de perigo. O Everton esteve perto do 0-2 aos 47 minutos, logo após o intervalo. E nunca melhor dito. Seu chute, de frente, acertou a trave.

A resposta do Sporting CP aos 48 minutos teve um papel de destaque para a Espanha… e por duas vezes. Sarabia cabeceou ao travessão aos 48 minutos e o remate de Pedro Porro obrigou Vlachodimos a trabalhar arduamente.

Os amarelos mancharam o final de uma partida que teve 7′ a mais. Aliás, no prolongamento foi 0-2 para o Benfica. Contra e, novamente, com Darwin Nez como protagonista. O uruguaio atraiu a defesa do Benfica e, por fim, cedeu para que Gil Dias fizesse um contra um com Adn.

Calvin Clayton

"Encrenqueiro incurável. Explorador. Estudante. Especialista profissional em álcool. Geek da Internet."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *