Malena continua a destruir recordes argentinos

E ele fez isso de novo. Ele nunca deixa de surpreender e quebrar recordes. A jovem nadadora de San Francisco Malena Santillán conseguiu neste sábado superar sua própria marca nos 200 metros costas, que por sua vez foi um recorde nacional na categoria Cadete.

Malena, representante do Sport Automobile Club, com apenas 14 anos, foi terceiro nos 200 metros costas e quarto nos 800 metros livre, neste sábado no Aberto de Barcelona, ​​na Espanha.

Note-se que o nadador local bateu a marca duas vezes. É que ela na classificação, pela manhã, registrou 2.16.34 superando assim o melhor recorde anterior 2: 18.26. À tarde, entretanto, ela marcou 2: 14,56 na final.

Mais tarde, terminou em quarto lugar nos 800 metros livres com o tempo de 8m50s52.

Desta forma, Malena encerrou a sua participação em Espanha e agora a espera o Open de Portugal, que decorrerá entre 27 e 30 de julho.

Vale ressaltar que o jovem nadador está participando de uma turnê com a Seleção Argentina, que se prepara para a Copa do Mundo no Peru, que será realizada no Palácio de Esportes Aquáticos de Lima de 30 de agosto a 4 de setembro.

Um vintage para a história

Em apenas 4 dias de competição, em Barcelona, ​​Malena quebrou um total de 3 recordes nacionais na categoria Cadete.

A primeira delas foi na quarta-feira nos 1500m livre, com o tempo de 16m44s12s, batendo o recorde nacional estabelecido por Anna Huusmann em 2019 (16m51s44s).

Por sua vez, na sexta-feira ele havia deixado para trás a marca de Delfina Pignatiello nos 400 metros livres, com o tempo de 4m12s84.

Além disso, neste sábado ele quebrou duas vezes o recorde nacional nos 200 metros costas, que a própria Malena possuía.

E ele fez isso de novo. Ele nunca deixa de surpreender e quebrar recordes. A jovem nadadora de San Francisco Malena Santillán conseguiu neste sábado superar sua própria marca nos 200 metros costas, que por sua vez foi um recorde nacional na categoria Cadete.

Malena, representante do Sport Automobile Club, com apenas 14 anos, foi terceiro nos 200 metros costas e quarto nos 800 metros livre, neste sábado no Aberto de Barcelona, ​​na Espanha.

Note-se que o nadador local bateu a marca duas vezes. É que ela na classificação, pela manhã, registrou 2.16.34 superando assim o melhor recorde anterior 2: 18.26. À tarde, entretanto, ela marcou 2: 14,56 na final.

Mais tarde, terminou em quarto lugar nos 800 metros livres com o tempo de 8m50s52.

Desta forma, Malena encerrou a sua participação em Espanha e agora a espera o Open de Portugal, que decorrerá entre 27 e 30 de julho.

Vale ressaltar que o jovem nadador está participando de uma turnê com a Seleção Argentina, que se prepara para a Copa do Mundo no Peru, que será realizada no Palácio de Esportes Aquáticos de Lima de 30 de agosto a 4 de setembro.

Um vintage para a história

Em apenas 4 dias de competição, em Barcelona, ​​Malena quebrou um total de 3 recordes nacionais na categoria Cadete.

A primeira delas foi na quarta-feira nos 1500m livre, com o tempo de 16m44s12s, batendo o recorde nacional estabelecido por Anna Huusmann em 2019 (16m51s44s).

Por sua vez, na sexta-feira ele havia deixado para trás a marca de Delfina Pignatiello nos 400 metros livres, com o tempo de 4m12s84.

Além disso, neste sábado ele quebrou duas vezes o recorde nacional nos 200 metros costas, que a própria Malena possuía.

Calvin Clayton

"Encrenqueiro incurável. Explorador. Estudante. Especialista profissional em álcool. Geek da Internet."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.