É assim que falamos inglês na Espanha: penúltimo na UE

sem dúvida Inglês é a língua universal por excelência. Seja para entender um conteúdo global de uma página da web, para fazer negócios ou para se comunicar em lugares onde o inglês nem é falado, mas é aplicado como último recurso idiomático.

Em nosso país, porém, a questão de falar inglês é um assunto pendente. Esse fenômeno é “raro” por ter duas cidades altamente cosmopolitas como Barcelona e Madripelo elevado fluxo de turistas internacionais e pela proximidade e intercâmbio com países como o Reino Unido e a Irlanda.

Neste contexto, os espanhóis alocam, em média, 10 anos estudando inglêse, no entanto, um grande número de cidadãos reconhece que não fala inglês.

Assim, demonstra mapa elaborado pelo especialista linguista Jakub Marian que mostra as porcentagens de pessoas que conseguem conversar em inglês, por país na Europa. E se, A Espanha é a penúltima na região com 22% dos habitantes que reconhecem dominar a língua anglo.

Os resultados do mapa são baseados nos dados contidos no “Especial Eurobarômetro 386? (e dados croatas do “Eurobarometer 243”).

Vínculo do cidadão espanhol com sua língua

Por outro lado, de acordo com as últimas Relatório do Instituto Cervantesespanhol é o terceira língua mais poderosa do mundo. Uma língua global que eles falam, com vários graus de domínio, 591 milhões de pessoas. Nesta linha, o portal de idiomas BrainLang observa que “quanto mais forte é uma língua, piores falantes de segunda língua são seus nativos”.

Tal é o vínculo com a nossa língua, que mesmo na Espanha o anglicismos são adaptados para serem incorporados ao espanhol da fonética (O que não torna os falantes de inglês piores do espanhol). Dessa forma, a pronúncia ortográfica tenta ler a palavra da mesma forma que ela é escrita, como é o caso de iceberg (A grafia inglesa é pronunciada como o espanhol: izebérg ou, em áreas seseo, isebérg. Por outro lado, no espanhol americano a pronúncia inglesa é consolidada: áisberg).

A porcentagem de pessoas que falam inglês na União Europeia:

– Irlanda 97%

– Reino Unido 97%

– Holanda 90%

– Malte 89%

– Suécia 86%

– Dinamarca 86%

– Chipre 73%

-Austríaco 73%

– Finlândia 70%

– Eslovênia 59%

– Luxemburgo 56%

– Alemanha 56%

– Bélgica 52%

– Grécia 51%

– Estônia 50%

– Croácia 49%

– Letônia 46%

– França 39%

– Lituânia 38%

– Itália 34%

– Polônia 34%

– Romênia 31%

– Portugal 27%

– República Checa 27%

– Eslováquia 26%

-Búlgaro 25%

– Espanha 22%

– Hungria 20%

comentáriosdoisWhatsappFacebookFacebookTwitterTwitterLinkedInlinkedin

Raven Carlson

"Viciado em bacon apaixonado. Ninja orgulhoso da cultura pop. Analista irritantemente humilde. Entusiasta de TV. Fã de viagens ao longo da vida."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.