Catariano dono do PSG compra pacote minoritário do Braga

PARIS (AP) – O dono do Catar do Paris Saint-Germain chegou a um acordo na segunda-feira para adquirir uma participação minoritária no clube português Braga.

A Qatar Sports Investments informou que o negócio é comprar cerca de 22% das ações do clube de 101 anos. O mesmo foi declarado perante as autoridades financeiras portuguesas e deverá estar concluído nos próximos meses.

A QSI aposta que o Braga pode qualificar-se para a Liga dos Campeões. O clube disputa regularmente a Liga Europa, torneio em que chegou à final em 2011 e participou da fase de grupos em sete das últimas oito temporadas.

O Braga está atualmente no terceiro lugar do campeonato português, atrás dos históricos Benfica e Porto, equipas que estão a disputar a fase de grupos da Liga dos Campeões.

No entanto, as modificações para a Liga dos Campeões que entrarão em vigor em 2024 atribuirão uma terceira vaga direta na fase de grupos ao torneio nacional que ocupa a quinta posição no ranking. Portugal disputa um lugar com a França e a Holanda.

Embora as regras da UEFA proíbam que equipes com propriedade conjunta joguem na mesma competição, a participação minoritária da QSI impediria uma intervenção caso o PSG tivesse que enfrentar o Braga.

“Acreditamos que é o acionista certo para acelerar nosso crescimento e expansão”, disse o presidente do Braga, Antonio Salvador.

O presidente do QSI, Nasser al-Khelaïfi, que também é presidente do PSG, descreveu Braga como “uma instituição portuguesa exemplar com uma história orgulhosa, uma enorme ambição e uma excelente reputação de excelência dentro e fora do campo”.

Darcy Franklin

"Amante da TV. Ninja da música. Fanático por viagens amador. Fã de bacon. Evangelista de comida amigável. Organizador freelance. Fanático certificado pelo twitter."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *